Sobre

Viajar sozinho, sem medo!

Serei bastante sincero: comecei a viajar sozinho porque não tinha companhia.

Eu vivia com esse impasse de querer viajar e não ter alguém para ir junto. Mas como viajar é minha maior realização da vida, decidi que jamais voltaria a adiar viagem por não ter companhia! E depois dessa mudança de postura, já foram dezenas de viagens que fiz sozinho e não parei mais.

As experiências dessas viagens eram compartilhadas sucintamente nas minhas redes sociais, principalmente por meio de fotos. Mas eu percebi que sempre estava contribuindo com dicas em fóruns ou grupos de discussão de viajantes, além de meus amigos sempre insistirem que eu deveria começar a escrever um blog sobre as minhas viagens. E aqui estou, começando este novo desafio.

Antes de tudo, encaro as tarefas de ler e escrever como prazeres pessoais. Notei que as minhas viagens começavam de verdade não no momento do embarque, mas sim durante todo o seu planejamento. E concluí que viajar sozinho é planejar! Sem um bom planejamento, a sua viagem poderá ser um fiasco.

Embora eu costume viajar sozinho, meu padrão de viagem não é necessariamente mochileiro. São viagens econômicas, mas eu não me adapto bem com hospedagem em hostel, por exemplo. Então o blog será destinado para quem deseja viajar sozinho, mas não necessariamente na vibe mochileira, pois não dispenso um bom chuveiro quente e um quarto de hotel silencioso depois de um longo dia de caminhada.

Outro ponto importante é que as minhas viagens, na maioria, são internacionais. Infelizmente, viajar dentro do Brasil é absurdamente caro. E como tenho carreira corporativa, minhas oportunidades de viagem são apenas nas férias e nos feriados. Então quando surge algum feriado prolongado, entre ir ao Nordeste brasileiro ou algum país vizinho pelo mesmo gasto médio, acabo sempre optando pela segunda alternativa. Tenho vontade de conhecer mais o Brasil, o que tentarei fazer nas próximas oportunidades.

Todas as minhas fotografias são amadoras, tiradas com celular iPhone de diferentes modelos ao longo do tempo. Espero evoluir para uma câmera profissional, mas apenas quando sobrar um tempinho para estudar um pouco de fotografia.

Vou aprendendo um pouco mais com cada viagem que realizo, pois viajar abriu a minha cabeça de uma forma que eu não imaginava. Reconhecer o quanto somos pequenos, me divertir com a cultura local e sair da minha zona de conforto são os meus impulsos a querer viajar cada vez mais, mesmo que seja sozinho.

E a minha intenção com esse blog é descomplicar as viagens, mostrar que cair no mundo, mesmo que sozinho, não é esse bicho de sete cabeças que pode parecer à primeira vista.

Prazer, me chamo Ismael Guimarães, sou advogado, nasci na cidade de Jacareí-SP, mas atualmente moro em Taubaté-SP, e passei de turista a viajante ao descobrir o amor por viajar. Após insistência de amigos, venho compartilhar minhas experiências, e não espero influenciar ninguém, mas apenas inspirar!